Páginas

Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

REaproveitando os tubos (canos), reusing pipes!!!

Boa tarde, a todos os seguidores e observadores de plantão...
Como sabem trabalho com piscinas e as vezes sobram canos das obra e o que fazer com estes canos???
pensando nisso pesquisei mais e encontrei inúmeras utilidades mas a que mais me chamou a atenção foi a utilização nos jardins...
Foram fatiados tubos de PVC de diferentes tamanhos e nos vãos colocados vasos com samanbaia

primeiro o corte, depois a pintura e depois é só encaixar os vasos... e o efeito visual é lindo!!!




lindo imaginem maior com mais canos e flores!!!

E inspiração via Holambra Expoflora, o contraste de cores quentes e frias fazem toda diferença 


Por hoje é só... boas inspirações!!!

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Multiuso do bloco de cimento... ou REUSO

Olá novamente e todos os seguidores e amigos, não esqueci de vocês falta tempo mesmo !!! mas estou voltando... assim que possível retorno com 1 post por semana ;) e agora vamos ao que interessa:

Está ou estava em construção e sobrou aqueles blocos de cimento que vc não vai mais usar??? pense novamente sobre o reuso... obs: todas as fotos estão com o link é só clicar










A foto acima tem passo a passo !!!

Estes são somente alguns com boas referências, porque não basta ter uma boa ideia tem que ter referência... vocês viram que pode ser adicionado no hall, na sala, quarto,na varanda, enfim onde sua imaginação criar!!!

Até mais!!!

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Construção sustentável - Telhado verde

Oi pessoal quanto tempo né, pois é... tenho novidades pra vocês, bem depois de concluir a faculdade de Biologia comecei a me dedicar a faculdade de Arquitetura estou no primeiro ano ainda, mas estou tentando levar o que aprendi sobre ecologia, desenvolvimento sustentável e meio ambiente.

Bem, ai vai algumas amostras sobre teto verde, na minha opinião fica muito belo mas requer um pouco de cuidado e manutenção.







Linda ne são de um dos maiores museus de história natural do mundo, a Academia de Ciências da Califórnia. Toda ecológica,  essa construção tem teto verde, painéis solares de energia, um jardim lindo no interior, bem usual e contemporânea.

Mais infomações do site:
 "A Academia de Ciências da Califórnia foi fundada em San Francisco em 1853. É uma das instituições mais prestigiadas em os EUA, e um dos poucos institutos de ciências naturais, em que a experiência do público e da pesquisa científica ocorrem no mesmo local. Após a destruição generalizada dos edifícios da Academia pelo terremoto de Loma Prieta em 17 de outubro 1989, uma competição para este novo prédio foi realizada. Academia de hoje senta no site Golden Gate Park de seu antecessor, que foi composto por 12 edifícios construídos entre 1916 e 1991 e agrupados em torno de um pátio central. Destes edifícios, três foram conservados dentro do novo projeto: o Salão Africano, a American Hall Norte eo Aquário Steinhart. O novo prédio tem mantido a mesma posição e orientação que o original, todas as funções dispostas em torno de um pátio central, que funciona como hall de entrada e centro fundamental para as coleções. Este ponto de conexão é coberto por um teto de vidro côncavo com uma estrutura reticular lembra uma teia de aranha, aberto no centro. Combinando espaço de exposição, educação, conservação e pesquisa sob o mesmo teto, a Academia também compreende Museu de História Natural, aquário e planetário. As formas variadas desses elementos diferentes são expressos em teto do edifício, que segue a forma de seus componentes. Toda 400.000 pés quadrados (37.000 m²) complexo é como um pedaço do parque que foi cortado e levantou 33 pés (10 m) acima do solo. O telhado é coberto com 1.700.000 plantas selecionadas plantadas em recipientes de fibra de coco biodegradáveis ​​especialmente concebidos. O telhado é plana em seu perímetro e, como uma paisagem natural, torna-se cada vez mais ondulante que se move longe da borda para formar uma série de cúpulas de vários tamanhos subindo do plano do teto. As duas cúpulas principais cobrir o planetário e exposições de floresta tropical. As cúpulas são salpicados com um padrão de clarabóias automatizado de abrir e fechar para ventilação. Um telhado de vidro convexo que é retangular no plano cobre o pátio central do edifício. A vidraça é suportada por baixo por uma estrutura de cabo de catenária cuja forma, visto de cima convexo está na continuidade das curvas externas adjacentes do telhado. humidade do solo arrefece o interior do museu significativamente, evitando assim a necessidade de ar condicionado no . piso térreo áreas públicas e os escritórios de pesquisa ao longo da fachada células fotovoltaicas estão contidos entre os dois painéis de vidro que formam o dossel transparente em torno do perímetro do telhado verde, pois eles fornecem mais de 5% da energia elétrica requerida pelo museu. A escolha dos materiais, a reciclagem, o posicionamento dos espaços com relação à iluminação natural, ventilação natural, uso da água, recuperação de água da chuva e produção de energia: todas estas questões de design tornou-se uma parte integrante do próprio projeto, e ajudou o museu obter certificação LEED Platinum. O prédio foi inaugurado em 27 de setembro de 2008."




segunda-feira, 30 de julho de 2012

Greenwashing? vc já ouviu falar disso??? saiba mais aqui...

Bem hoje como sempre eu acordei bem cedo e levei minha filha a escolinha e por um acaso liguei a TV e estava passando um programa muito interessante falando sobre esse tal de Greenwashing*... gostei muito do assunto e acho que é um tema que vale um post com certeza.


Você já escolheu um produto só por conter na embalagem: ECO ou PRODUTO ECOLOGICAMENTE CORRETO ou então aquele bem clássico AMIGO DA NATUREZA???


Já se perguntou com que critério a empresa X se baseia para atribuir estes valores???


Pois é nem eu.. até hoje 




Greenwashing = Lavagem verde (cara verde) (greenwashing em inglês) é um termo utilizado para designar um procedimento de marketing utilizado por uma organização (empresa, governo, etc.) com o objectivo de dar à opinião pública uma imagem ecologicamente responsável dos seus serviços ou produtos, ou mesmo da própria organização. Neste caso, a organização tem, porém, uma actuação contrária aos interesses e bens ambientais.
RESUMINDO: a empresa ou produto fala que é ecologicamente correta mas na verdade não é.


Aqui no Brasil o GWG* é pouco utilizado, mas já é regulamentado na Austrália, Canadá, Noruega, e EUA , muitas vezes são as próprias empresas que colocam estes selos ou qualificações sem nem comprovarem cientificamente para o consumidor o que realmente a empresa faz pelo meio ambiente ou então até utilizam essas frases e qualificações muito vagas e não explicam exatamente nem qual é a modificação do produto, ONG´s também estão envolvidas pois o fato de uma empresa ajudar uma ONG não pode classificar o produto como sustentável.


Conheça os 7 pecados do GWG*

1. Custo ambiental camuflado
Ação econômica que visa à resolução de um problema mas acarreta outro, obrigando uma escolha. Ocorre quando uma questão ambiental é enfatizada em detrimento de preocupações mais sérias. Por exemplo, o papel não é necessariamente preferível do ponto de vista ambiental apenas porque sua origem é de floresta de manejo sustentável.
2. Falta de provas
Acontece quando as afirmações ambientais não são apoiadas por elementos de prova ou de certificação. Um exemplo comum são as embalagens que trazem informações sobre as percentagens de conteúdo reciclado, sem fornecer qualquer detalhe.
3. Incerteza
Ocorre quando a chamada do produto é tão carente de particularidades como sem sentido. “Natural” é um exemplo desse pecado. Arsénio, urânio, mercúrio e formaldeído são todos naturais e venenosos. “Natural” não é necessariamente “verde”.
4. Culto a falsos rótulos
Quando a empresa cria uma falsa sugestão ou uma imagem parecida com certificação para induzir os consumidores a pensarem que um produto passou por um processo de certificação de produto verde.
5. Irrelevância
Este pecado surge quando um problema ambiental não relacionado ao produto é enfatizado. Um exemplo é a alegação de que um produto é “isento de CFC,” uma vez que o uso dos CFCs é proibido por lei.
6. O “menos pior”
Ocorre quando a chamada do produto afirma ser “verde” sobre uma categoria de produto que não tem benefícios ambientais. Cigarros orgânicos são um exemplo deste pecado.
7. Mentira
É quando as alegações ambientais são falsas. Um exemplo comum é afirmar falsamente ser produtos com certificação de economia de energia.
 FONTE :http://oglobo.globo.com/rio20/os-sete-pecados-do-greenwashing-4733433#ixzz227gsfB00 


Empresas  incoerentes "se pintam" de verde para atrair consumidores


É seu direito como consumidor pedir a prova de que este produto é realmente sustentável, propaganda enganosa é crime!!!



quarta-feira, 30 de maio de 2012

Geladeiras como móveis!!! uma tendência mais que ecológica

Bem como vcs podem notar a moda das geladeiras coloridas está voltando mas não só na cozinha... elas estão indo muito além disso: 




Neste ambiente foi utilizado geladeiras como os sofás e caixas de papelão no teto como painéis... simplesmente lindo.


Inspirado em CASA COR SP 2012 o autor desta maravilha é um artista ecológico:
"Gustavo Calazans por duas vezes ganhou o Prêmio Planeta Casa - que contempla projetos sustentáveis - em 2005 e 2011. Ao todo, no currículo, o profissional conta 250 projetos."


Bem para você que não sabia o que fazer com uma geladeira que não funciona mais fica a dica... inspire-se!!!

segunda-feira, 21 de maio de 2012

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Mesa de centro com pneu

Oi andei sumida um tempo, mas estou de volta e neste post resolvi mostrar uma linda mesa de centro com pneu feita por  minha amiga Solange Bastos... é claro que fiquei antenada nas novidades e vi que no Campinas Decor apresenta mesas de centro muito parecidas então vale a pena conferir esta tendência...


Já as imagens do Campinas Decor você encontra aqui:

Vale a pena conferir!!!

Um grande abraço e espero não sumir mais...

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Decoração com paletes 2

Boa tarde!!!

Bem como já disse anteriormente no outro post sobre paletes:
Os paletes são materiais que são facilmente descartados por empresas que usam para colocar e transportar seus produtos e são um objeto que pode se transformar em tudo aquilo que sua imaginação mandar...

Vejam algumas inspirações clique na foto e será redirecionado.

Parede de palete com PAP:


Balanço tem PAP:

Mesa de área externa:

Mesa de paletes área interna:


Essa foi uma das mais lindas que vi:




Deck de paletes:





Agora estes debaixo são do site Cacareco:





Espero que tenham gostado desta seleção...

Até a próxima!!!

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Volta as aulas 3 Material

Olá como prometi estou de volta trazendo pra vocês imagens de mochilas e acessórios utilizando os 3 R- reduze, reuse e recicle... confiram esta grande seleção inspiradora!!!




Essa que vou mostrar agora tem PAP

Essa aqui em baixo também tem PAP

Uma eco bag mais que linda!!!


Essa linda aqui em baixo também tem PAP:

Estojo:

Aberto
Fechado:

Fichário + estojo:

E já chega por hoje, já inspirei mamães e papais corujas para economizar e fazer um material escolar muito lindo!!!

Boa sorte!!! 
 Me mandem fotos se vocês fizerem...

Beijão

Amazon Contextual Product Ads